Discussão: As empresas devem lançar coletâneas de jogos antigos mesmo com a existência dos emuladores?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Discussão: As empresas devem lançar coletâneas de jogos antigos mesmo com a existência dos emuladores?

Mensagem por Alexandre em Seg Dez 15, 2014 9:57 pm




Sejamos sinceros: Encontrar e baixar ROMs na internet é a coisa mais fácil do mundo. Hoje em dia os emuladores são a forma mais rápida e prática de se jogar games antigos, e totalmente de graça.

Mas mesmo assim, algumas empresas colocam à venda seus jogos clássicos através de sistemas onlines, como a PSN, a XBLA e a WiiWare para que seja possível jogá-los em seus sistemas atuais.

Algum tempo atrás a Nintendo foi bem criticada por lançar o "Super Mario All-Stars 25th Anniversary". Boa parte dos jogadores acharam um absurdo vender uma nova versão do Super Mario All-Stars que pode ser jogada em qualquer emulador de SNES.

E mais recentemente, houve uma nova coletânea lançada para o Wii U e o 3DS, chamada "Ultimate NES Remix" que possui vários jogos clássicos do NES em um pacote. Para ficar um pouco mais original, a Nintendo resolveu colocar alguns desafios extras nos games. Embora eu não sei o quanto isso vai ajudá-lo a valer mais a pena.

E então? Vocês acham que as empresas devem se render aos emuladores ou ainda vale a pena apostar nesse tipo de coletânea?

__________________________________________________

Alexandre
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2

Mensagens : 6856
Data de inscrição : 04/05/2010
Idade : 24
Localização : Cordeiropolis, SP

Ver perfil do usuário http://smash-club.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão: As empresas devem lançar coletâneas de jogos antigos mesmo com a existência dos emuladores?

Mensagem por infernosword em Seg Dez 15, 2014 10:58 pm

Sou a favor de que sejam vendidas cópias em formato digital dos jogos antigos, assim como da retrocompatibilidade de consoles:
1º - Os jogos são propriedade intelectual da empresa e ela pode fazer virtualmente tudo o que quiser com seus jogos. Se não te agrada, não compra.
2º - ROM é pirataria. Não quer dizer que você, eu ou Willi não façamos (ou podemos fazer). Mas que é pirataria, é. Quer dizer, a empresa, que tem o direito legal do jogo, não pode comercializar como ela quer, mas nós, que não temos direito algum sobre a ROM, podemos usar do jeito que queremos? Negativo. E não me venha com o argumento da salva-guarda.
3º - Os emuladores avançaram muito nas últimas décadas. Mas acontece que eu sou muito chato pra emuladores. Jogar Nintendo 64 no PC é uma das piores experiências que um gamer pode ter (principalmente um que nunca tocou num N64, porque aí ele vai ficar com a impressão de que o videogame "é aquilo"). Aliás, eu notei que o Nintendo 64 é um videogame perdido, pois os emuladores dos consoles mais antigos funcionam, o Play tem retrocompatibilidade com o 1, 2 e agora o 3. O 360 pega os jogos do primeiro. E o Wii tem retrocompatibilidade com o GC. Outro é o Dreamcast.
4º - Eu vejo uma grande oportunidade nos games antigos: Ninguém vai querer um Mickey e Donald 3 em 3D. Seria ridículo. Mas já pensou em uma nova versão com multiplayer online? Já pensou em quatro personagens na tela? Você pode, com muita facilidade, adaptar jogos para a realidade atual. Quer dizer, Chrono Trigger não tem mais o que oferecer? Por que houve a necessidade de se criar o MTA? Não dá pra jogar Duck Hunt no WiiMote? Essas coisas me fazem pensar. Os ports dos Banjo-Kazooie e Tooie reviveram um antigo projeto da Rare para o N64 chamado Stop-n-swop, dando uma sobrevida aos jogos antigos e de quebra, melhorando a experiência do jogo novo, o Nuts-n-Bolts.
5º - Os custos com desenvolvimento são muito pequenos e o retorno é muito bom, já que o jogo já foi testado, aprovado e agora, poderá ser melhorado.

Claro que, cagar remakes simplesmente por cagar é o que a maioria das empresas fazem. Mas se as franquias e jogos clássicos forem bem cuidados, oferecerem preços justos e inovarem em sua simplicidade sem deixar de serem os clássicos, eu não tenho como ficar contra uma iniciativa dessa.

__________________________________________________
E.T., opinião, telefone.

infernosword
Rank 106 - Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots
Rank 106 - Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots

Mensagens : 5939
Data de inscrição : 05/05/2010
Idade : 25
Localização : flying not yet quite the notion

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão: As empresas devem lançar coletâneas de jogos antigos mesmo com a existência dos emuladores?

Mensagem por Eder em Ter Dez 16, 2014 1:45 pm

Concordo com o que o Infernosword disse. O problema são essas coletâneas em formato físico, que ficam com o preço salgado. O problema do problema (?) é que tem gente que não gosta do formato digital e acaba comprando esses packs com preços absurdos. Eu gostaria que vendessem esse pack de 25 anos do All-Stars a um preço acessível na eShop, mas, não comprei e não pretendo comprar um DVD com um emulador de SNES e uma rom pelo mesmo preço de um jogo novo (tá, tem o CD, o encarte e aquelas baboseiras todas, mas, ainda assim, o preço é alto demais).

Eder
Rank 76 - Sonic Heroes
Rank 76 - Sonic Heroes

Mensagens : 4419
Data de inscrição : 11/05/2010
Idade : 25
Localização : Araucária - PR

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão: As empresas devem lançar coletâneas de jogos antigos mesmo com a existência dos emuladores?

Mensagem por Willi em Qua Dez 17, 2014 12:54 am

O Inf disse basicamente tudo, mas em acréscimo ao que ele falou, dá pra lembrar também das pessoas que não curtem muito jogar no PC e compram a coletânea para poderem curtir o game clássico que tanto adoram na tela da TV. Eu por exemplo, antes mesmo de comprar o PlayStation 2, já tinha baixado o Sonic Mega Collection Plus pra ele, pra jogar os Sonics clássicos na TV. Street Fighter Alpha Anthology, Metal Slug Anthology, Samurai Shodown Anthology, os emuladores de SNES, NES e Mega, eu tinha tudo no PS2 pra poder jogar tudo na TV. E não sei se vocês tão lembrados, até eu me esqueço disso às vezes, mas desbloqueei o PS3 pra poder instalar um emulador de SNES nele que a minha fita do Mario World não tava salvando e eu tava muito à fim de fazer 100% nele, os jogos piratex vieram depois. E tem bastante gente assim. Uma prima minha, um professor meu, que curtem SNES, eu passei emulador com ROMs pra eles, mas não jogam, ao invés me pediram bons links de SNESes pra comprarem no Mercado Livre, porque não querem/gostam de jogar no PC. Esses (ou nós, no caso, porque me enquadro) sustentam esse mercado das coletâneas de clássicos.

__________________________________________________
Intel Core i5 4440 3.10 GHz | EVGA GTX 660 FTW ACX 2GB GDDR5 | MSI B85M-E45 Military Class 4 | RAM Corsair Vengeance 1x8 GB 1600 MHz | HD Seagate 1TB 7200 RPM | Corsair CX500M | Gabinete Cougar Archon + RGB LEDs | Windows 10 PRO 64-bits | Monitor LG 23MP55HQ-P 1080p 60 Hz | Amplificador Hayonik Neo 200w RMS + Grave Auxiliar Sharp | Teclado Mtek KP-807 | Mouse Fortrek Spider | Mousepad PCYES Speed Racer 800x400mm | Cadeira Cavaletti NewNet 16003

Textos | Jogos Finalizados


Willi
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2

Mensagens : 6871
Data de inscrição : 05/05/2010
Idade : 20
Localização : Maravilha, SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Discussão: As empresas devem lançar coletâneas de jogos antigos mesmo com a existência dos emuladores?

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 6:09 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum