É filme ou jogo?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

É filme ou jogo?

Mensagem por Alexandre em Seg Jul 08, 2013 12:38 am



Recentemente, eu estava lendo uma postagem no Meio Bit Games (Vou ficar devendo o link) em que o criador do jogo "Beyond Two Souls" foi questionado sobre os games da franquia (Indigo Prophecy, Heavy Rain e Beyond Two Souls) serem mais próximos de um filme do que de um jogo.

Pra quem não sabe, os dois títulos já lançados possuem muito pouco gameplay. Digo isso porque já joguei e zerei o Indigo Prophecy, e já vi o Heavy Rain. Para resumir um pouco, você escolhe alguns diálogos, e assiste sequências onde precisa apertar um botão na tela para continuar prosseguindo. Os famosos "Quick Time Events".

Detalhe: Beyond Two Souls não vai sequer ter os Quick Time Events.

Como resposta, o diretor de Beyond Two Souls defendeu esse tipo de game, dizendo que faz seus trabalhos meio que ignorando a crítica.

Eu preciso confessar uma coisa:

Quando eu não tinha PS2, e via meu amigo jogando God Of War 2, eu achava aquelas sequências em que você precisa apertar o botão na hora certa, pro Kratos continuar seus ataques a coisa mais legal que eu já vi.

Porém, quando já tinha meu PS2, e podia jogar quando quiser, comecei a ver que a coisa não era bem assim. Aquelas sequências eram legais no começo, mas começaram a me enjoar rapidamente. Tanto é que em futuros games (Tomb Raider, Resident Evil 6) eu chegava a torcer para que elas não aparecessem. Isso porque eu comecei a achar que aquelas sequências não eram bem um "jogo". Era apenas um "Aperte esse botão pra continuar assistindo". E se você falhasse, tinha que começar tudo de novo.

Quanto às cutscenes, dá pra dividir em algumas categorias:

Apenas assista: As mais comuns nos dias de hoje. O jogo para totalmente, você não pode fazer nada além de sentar e assistir.

Assista, mas pode jogar: Os personagens conversam, mas você pode continuar andando, pegando itens, enfim, progredindo. Eu gosto dessas.

Não é obrigado a assistir: Essa meio que sumiu atualmente. Eu vi recentemente no Spyro 3. Basicamente, você pode assistir se quiser, mas assim que você acabar de ler a legenda, já pode pular. Além do mais, você não perde nada se não assistir, já que não há informações importantes, além da historinha do jogo (Que você pode assistir depois).


"Mas Alexandre. Você tá criticando, e considera The Walking Dead o melhor jogo de 2012. Isso não é contraditório?

- Sim, pode ser. Mas o problema é que The Walking Dead me pegou totalmente pelo enredo. Eu ficava esperando os episódios porque queria saber o que ia acontecer com os personagens. Assim como eu espero pelos episódios do The Looney Tunes Show.

Se a história não fosse boa, eu consideraria o jogo um lixo, provavelmente. A propósito, alguns exemplos pessoais:

Recentemente, eu tentei o Dreamfall: The Longest Journey que segue exatamente o estilo do The Walking Dead, e olhem só, eu não gostei do enredo. Como resultado, parei de jogar e excluí o game.

Resident Evil 6, na minha opinião, teve um enredo bastante razoável. Durante a campanha do Leon, eu assistia sim as cutscenes, mas nem fazia questão de entender a história (Que pra mim morreu no Code Veronica).

Tomb Raider foi ruim. Hoje eu julgo todas aquelas sequências cinemáticas como perda de tempo. O que fez o jogo valer a pena foi... Hum... Talvez a exploração dos cenários? Se bem que era pouca. Aquelas sequências onde Lara atendia o celular e começava a andar lentamente (Pra impedir o jogador de alcançar certo ponto) enchiam a paciência.

Alan Wake foi muito bom. A maior parte do desenrolar da trama acontece em sequências onde os personagens conversam enquanto você vai jogando, como eu exemplifiquei acima. Genial como você pode investigar os cenários, coletar itens, munições, e progredir enquanto vai vendo os diálogos. O sistema de foco ajudou muito nesse game.

Enfim, o que vocês acham?

Um jogo pode apostar todas as fichas na história, como o futuro Beyond Two Souls?

Na minha opinião, vai do jogador. Mas ele terá que estar ciente que nesses casos, a jogabilidade ficará em segundo plano, e ele pode correr o risco de pegar um "filme" cujo enredo não o atrai.

__________________________________________________

Alexandre
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2

Mensagens : 6856
Data de inscrição : 04/05/2010
Idade : 24
Localização : Cordeiropolis, SP

Ver perfil do usuário http://smash-club.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: É filme ou jogo?

Mensagem por Sage Of Light em Seg Jul 08, 2013 11:02 am

Quick time events estão sendo cada vez mais usados hoje em dia e de forma mais absurda, não tenho nada contra qte, exceto como você disse, colocar eles em cutscenes longas. Os únicos jogos que eu me lembro que desfrutaram bem foram God Of War e Resident Evil 4 mesmo (Ok, a luta do Krauser talvez... mas o final da luta contra del lago por exemplo, que você tem quer apertar "A"/"X" desesperadamente para conseguir cortar a corda).
Eu gosto de QTE desde que sejam bem aproveitados e não forçados como em ninjablade, ou aqueles q se você errar vc tem q assistir 10 min de cutscene denovo '-'

Quanto aos jogos se basearem em cutscenes, eu tbm não curto muito ficar parado até ela acabar sem sequer poder pular, das que você falou eu curto mais a "Assista, mas pode jogar", o que é uma cutscene que pode ser bem aproveitada, Assassins Creed usa bastante disso. "Apenas assista", desde que seja algo REALMENTE importante eu aceito tranquilamente, com ações e bem estruturada, exemplo? Cutscenes de Final Fantasy

Sage Of Light

Mensagens : 107
Data de inscrição : 24/11/2011
Idade : 22
Localização : ES/Serra

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: É filme ou jogo?

Mensagem por Alexandre em Seg Jul 08, 2013 11:50 am

Então, eu também não tinha nada contra as qte, mas os games hoje em dia estão abusando. Olha por exemplo o Tomb Raider. A última batalha, que seguindo a linha do jogo deveria ser épica, é uma qte de 30 segundos.

É por isso que nos últimos tempos eu estou ignorando jogos "cinematográficos". Estou cada vez mais indo atrás de games de plataforma, e de preferência de geração passada.

Crash 3, Spyro Year of the Dragon, Mega Man 4 e Ratchet & Clank: Going Commando me divertiram muito. Daí esses dias atrás, resolvi dar outra chance ao Resident Evil 5 e não aguentei dois dias jogando.

__________________________________________________

Alexandre
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2

Mensagens : 6856
Data de inscrição : 04/05/2010
Idade : 24
Localização : Cordeiropolis, SP

Ver perfil do usuário http://smash-club.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: É filme ou jogo?

Mensagem por Sage Of Light em Seg Jul 08, 2013 1:53 pm

Eu to jogando Megaman X (Por sinal ontem zerei 100% e com hadouken XD) e Nosferatu de antigo.
Atual só Dishonored

Sage Of Light

Mensagens : 107
Data de inscrição : 24/11/2011
Idade : 22
Localização : ES/Serra

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: É filme ou jogo?

Mensagem por Willi em Seg Jul 22, 2013 11:43 am

Concordo com sua opinião, Ale, Quick Time Events são só um "aperte para continuar assistindo". Boa era a época antiga, onde VOCÊ tem que matar o chefe e descobrir como se faz isso, e não com o jogo te dando uma resposta. Às vezes até são bem vindas, mas também não gosto quando é direto e por motivos inúteis em momentos nos quais jogabilidade poderia dar mais emoção àquela cena do que um QTE.

Não posso dizer que estou evitando games cinematográficos porque estou jogando The Last of Us, mas The Last of Us é todo dublado que é uma perfeição, a história é linda. Já esses jogo novelão aí eu não jogava. E se for pra escolher, também prefiro quando tem mais jogabilidade e menos cutscenes, como os Batman's e o Assassin's Creed 2 (talvez os outros AC também não tenham, mas citei o 2 porque foi o único que joguei até o fim e o único que gostei).

Sobre preferência em cutscenes eu não tenho, pode ser tanto as de só assistir quando as que você anda e pega itens. Mas particularmente, eu prefiro as de só assistir, porque quando tô jogando não gosto de ficar dando atenção a legendas, gostaria que elas desaparecessem. É como BioShock Infinite e os já citados Batman e AC2, eles são muito elogiados pela narrativa excelente porque tem falas o jogo INTEIRO, falas dos bandidos e tal, mas eu gostaria muito se isso fosse substituído por uma boa TRILHA SONORA e se os bandidos calassem a droga da boca. Os desenvolvedores de hoje em dia tão pegando uns vícios muito ruins pros games, e o pior é que a presença desses vícios só está aumentando.

Eu acho que você Ale gostou do The Walking Dead porque ele tem jogabilidade, é mais focado no enredo sim mas é um point & click. O Beyond e o Heavy nem são assim eu acho, tem um mínimo de apertar botões.

__________________________________________________
Intel Core i5 4440 3.10 GHz | EVGA GTX 660 FTW ACX 2GB GDDR5 | MSI B85M-E45 Military Class 4 | RAM Corsair Vengeance 1x8 GB 1600 MHz | HD Seagate 1TB 7200 RPM | Corsair CX500M | Gabinete Cougar Archon + RGB LEDs | Windows 10 PRO 64-bits | Monitor LG 23MP55HQ-P 1080p 60 Hz | Amplificador Hayonik Neo 200w RMS + Grave Auxiliar Sharp | Teclado Mtek KP-807 | Mouse Fortrek Spider | Mousepad PCYES Speed Racer 800x400mm | Cadeira Cavaletti NewNet 16003

Textos | Jogos Finalizados


Willi
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2
Rank 125 - Super Mario Galaxy 2

Mensagens : 6873
Data de inscrição : 05/05/2010
Idade : 20
Localização : Maravilha, SC

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: É filme ou jogo?

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 12:19 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum